notícias


título da imagem
  • título da imagem
  • título da imagem

Portugal é como a Espanha, mas melhor!

A versão espanhola da revista Condé Nast Traveler revelou no seu site 20 razões para "largar tudo e vir até Portugal". Desde as praias, ao vinho, aos doces, a cidades como Lisboa e Porto, “Portugal é igual a Espanha, mas melhor”, garante a autora do artigo.
Se por vezes existem rivalidades entre os países vizinhos, esta é uma prova de que muitos espanhóis dão valor ao nosso país. Conheça porquê.

1. Praias

Basta olhar para o mapa. Portugal tem quilómetros de praias na costa onde muitos dos seus desejos de descanso podem ser satisfeitos. Há longos espaços de areia com guarda-chuvas e passarelas de madeira (como na praia da Comporta), há enseadas escondidas, semi desertos (como o Alentejo) e praias urbanas como em Cascais. Do Norte para o Algarve, a passar pelas ilhas, haverá sempre uma nova praia portuguesa que não pensava existir no continente.

2. A proximidade

É o mais vizinho dos países vizinhos de Espanha. Está literalmente a um passo de distância. Apenas a uma hora de avião, e mesmo que tenha medo de voar, existem sempre as viagens de autocarro, de carro ou até de ferry, através do Minho. Como vê não há desculpas.

3. Porto

Desde as francesinhas às caves de Vila Nova de Gaia, passando pela famosa livraria Lello, a beleza e autenticidade da cidade portuense é uma desculpa perfeita para visitar Portugal. Sem esquecer a genuinidade e simpatia dos homens e mulheres do Norte.

4. Lisboa

A capital portuguesa também é referenciada pelo site espanhol: as noites no Bairro Alto, o espirito bairrista de Alfama à Bica, a vista do Castelo de São Jorge, passando pelos eléctricos amarelos como meio de transporte pela cidade, os argumentos apresentam-se bastante convincentes. O Condé Nast Traveler classifica mesmo Lisboa, como a cidade mais bonita da Península Ibérica, devido à luz branca que invade a cidade durante todo o ano.

5. Café

Um outro ponto positivo, apontado pela revista, para visitar o território luso são os cafés tipicamente portugueses. Começam por avisar que deve-se pedir sempre uma ‘bica’ em Lisboa.  Falam da beleza dos clássicos e imponentes cafés como o Majestic, no Porto, ou a Brasileira, em Lisboa, e também o novo símbolo da modernidade, como o Kaffeehaus Lisboa. Mas o que sublinham é a qualidade do café português.

6. O vinho

Como não poderia deixar de ser, quem vem a Portugal e não bebe vinho do Porto, não visitou verdadeiramente o país. Os vinhos do Porto e da Madeira, conhecidos em todo o mundo, são alvo de apreciação do site espanhol, que explica também que foram criadas rotas enoturísticas em volta da produção dos vinhos portugueses, que deixam qualquer um de ‘pañales’ (fraldas). Aconselham, ainda, a visitar quintas, adegas ou resorts enoturísticos para que se compreenda o vinho português, que transmite muito da cultura lusitana. Escrevem que beber vinho em Portugal é “cultura, tradição, é a geografia do país”. Não esquecem também, de referenciar o vinho verde e os vinhos do Alentejo.

7. A entrada das refeições

Todos os petiscos portugueses aguçam o apetite de qualquer um. O pão com manteiga, as azeitonas, os queijos, o azeite português que condimenta as refeições, tudo serve de vantagem para vir a Portugal. Referem que se quer comer uma refeição tipicamente portuguesa, então, tem de optar pelo Caldo Verde, Bacalhau assado ou um simples frango. Não há sítio melhor no mundo onde se coma tão bem estes três pratos.

8. A arquitectura

Desde os azulejos (símbolo nacional da decoração) de uma Igreja em Braga, à Casa de Chá de Matosinhos, de Álvaro Siza Vieira, passando pela Casa da Música no Porto, ao Mosteiro da Batalha, de estilo manuelino, o site espanhol apresenta mais este ponto a favor de Portugal. Escrevem, ainda, sobre as igrejas locais ou palácios rurais e, ainda, da misteriosa Quinta da Regaleira, em Sintra. Não é por acaso que Portugal tem dois vencedores do Pritzker (prémio máximo da arquitectura mundial).

9. Bom país para fazer compras

Óptimo lugar para comprar os móveis da casa, mas também antiguidades, produtos gourmet, de moda ou design. As lojas têm o equilibrio certo, mantendo o que é tradicional com inovação e criatividade, e sempre infalivelmente com bom gosto. E, além disso, existem os tradicionais mercados de rua onde se encontram muitos tesouros escondidos.

10. Um outro mundo

Entrando em Portugal, muitas vezes parece que “paramos no tempo”, dizem os espanhóis. Destacam por exemplo, o facto de ainda se ver os pescadores a vender os seus peixes nos portos, e de as ruas das cidades não estarem tomadas (ainda) pelas grandes cadeias de lojas. Mostram-se ainda surpreendidos com as pessoas que voltam para casa muito cedo. São estes tipos de características que distinguem Portugal.

11. Uma terra por descobrir

Espanha e Portugal partilham de quilómetros de fronteira, séculos de história, no entanto, o site afirma que Espanha está de costas voltadas para Portugal. Contam que os portugueses sabem muito sobre Espanha, mas que os espanhóis pouco ou nada sabem de Portugal. É caso para dizer que há vida em Portugal para além de Cristiano Ronaldo.

12. Bacalhau

Uma das razões porque Portugal é amado no mundo inteiro. O site 'Condé Nast Traveler' diz que há várias formas de prepará-lo: cozido; com natas; à brás; e ainda as famosas pataniscas. Em qualquer recanto português se cozinha bacalhau.

13. Doces

Como não poderia deixar de ser, a doçaria portuguesa não deixa ninguém indiferente. Os famosos pastéis de Belém justificam a 13ª razão para que um estrangeiro largue tudo e venha morar para Portugal. Mas não é o único doce referenciado. Há ainda as queijadas ou as farófias.

14. Simplicidade, elegância e tradição

É visível em pequenos projectos como os pratos de inspiração britânica, ou o galo de Barcelos, e em projectos maiores como as pousadas ou os novos hotéis tipicamente portugueses.

15. A influência colonial

Há séculos que Portugal mantém ligações profundas com o Brasil, Macau, Angola ou Moçambique. Relações ricas em experiências multiculturais que enriquece a cultura portuguesa. Esse multiculturalismo que Portugal têm é mais um ponto positivo atribuído ao nosso país.

16. Preços

Apesar da crise económica espanhola, o site afirma que Portugal ainda "cabe no bolso" da classe média espanhola, afirmando que “ o valor torna-se visível, tangível e agradável”. No entanto,  por cá não podemos afirmar o mesmo.

17. Ilhas

Os arquipélagos da Madeira e dos Açores são destinos surpreendentes, segundo o site espanhol. Além do vinho da Madeira e do anticiclone dos Açores, há ainda as paisagens madeirenses e as vindimas da Ilha do Pico, criadas na cinza vulcânica.

18. O mar

O vento e as ondas do vasto litoral português tornam o local ideal para o surf , kitesurf, windsurf e todos os tipos de desportos derivados com diferentes níveis de dificuldade. A diversão nas praias portuguesas é garantida, e a Nazaré é um exemplo que prova disso mesmo.

19. Povo

Todas as aldeias têm uma igreja, uma praça e um café, e junto ao lado de um rio ou de um penhasco há casas brancas cobertas de azulejos, que são o melhor símbolo de autenticidade que emana do país. Pode fazer várias selecções do mais belo e essencial, ou convidar outras pessoas para visitá-los, mas Portugal é inesgotável. Existem tantos lugares notáveis que, quando voltar, será sempre surpreendido.

20. Simpatia e educação

Segundo os espanhóis, se estiver em Portugal e durante dois dias for ao mesmo bar, ou café, ao terceiro dia já vai ser cumprimentado pelo nome e com um sorriso. Gestos como estes são o tipo de promoção turística que podem conquistar os espanhóis para sempre.

 

in Sábado.pt 07/03/2014

 

anterior | seguinte